Virose Alienígena

Padrão

Ficar doente é uma droga mesmo.Passava pouco mais das 4hrs da manhã quando acordei hoje, com uma poça de catarro enorme no meu travesseiro. Provavelmente me engasguei em algum momento durante o sono, e meu cérebro me acordou antes que eu me afogasse. Com o pulmão gordinho e a cama um tanto quanto peguenta, não consegui mais pegar no sono e fui pra net!

Deu tempo de ver uns três meses de atualizações no feed de notícias, até que minha mãe chegou no quarto cantarolando num tom oitenta vezes mais alto e mais desafinado que o normal. Acordou minha irmã, acordou meu pai e todos resolveram reclamar e me mandar fazer alguma coisa. Imagine você, com uma ressaca de Carreteiro, acordar no outro dia com o trio elétrico do McSheldon, do lado da sua cama, tocando num volume quarenta e oito milhões de vezes mais alto do que é permitido para um ouvido humano! Pronto, a sensação era exatamente essa!

Se eu tivesse com uma fratura exposta no crânio, ou uma doença mental degenerativa, duvido que iriam me tratar assim! A verdade é que ninguém respeita a virose de ninguém. A galera te vê limpando o nariz na blusa e julga você como uma pessoa que merece fazer as tarefas da casa. Eles confundem virose com preguiça. No lugar de quererem te ver repousando pra não morrer, ficam com inveja porque agora você vai poder ficar de boa em casa, enquanto eles vão pra labuta. Daí que, por raiva da sua situação, começam a te escravizar: mandam você forrar a cama, varrer o quarto, tirar o prato da mesa, abrir a janela pra ventilar e acham ruim quando você diz que ta totalmente inválido.

Mas não é só o povo aqui de casa que não respeita essa enfermidade. Ontem, quando tava com dor na garganta, fui pedir pra uma médica, amiga minha, me receitar algum remédio pra tumor ou coisa do tipo. Depois de me examinar, concluiu: “Ah! É só uma virose. Faça gargarejo com água e sal.”. Como água e sal vão me curar? Não dá pra acreditar nesses tratamentos. Tomo água e engulo sal todo dia, e isso não me impediu de pegar a doença. Porque agora essa mistura vai surtir algum efeito?

Pois é, não vai! Eu entendo a incompetência da medicina, nesse caso, até porque todos nós sabemos que virose não é doença. O vírus é um ser alienígena microscópico que veio ao nosso mundo com o objetivo de conhecer a mente de todos os humanos pra poder, é claro, dominar o planeta. O plano é bem simples: o alienígena entra no hospedeiro e, enquanto faz um backup do cérebro do indivíduo, usa o nariz do mesmo para clonar milhões de outros alienígenas. Enquanto o backup é feito, os alienígenas clonados são lançados em forma de espirro na busca por novos hospedeiros.

Na prática, isso tudo quer dizer que não importa se você gargareje água com sal, ou tome o lambedor milagroso da sua avó. De toda forma você vai ter que esperar os alienígenas terminarem de fazer o que tem que fazer e torcer pra que eles não danifiquem seu HD!

Não tive escolha, passei o dia em casa! Com cabelo de Edward-mãos-de-tesoura, pijama rasgado, catarro pingando no lençol. Resolvi usar a virose à meu favor: entrei no bate papo da UOL com o Nick “menina dodói”. A palavra “dodói” funciona melhor do que “linda”. De alguma forma, homens acham que a gente fica mais bonita doente. Bem, usei à  meu favor e já adicionei uns oito médicos hoje no meu MSN. Todos dispostos a me tratar com medicina alternativa de beijos e abraços. Tnks, aliens, minha virose não será em vão!

Daniela Neves

Anúncios

»

  1. kkkkk bate papo da uol foi ótimo. acho que a última vez que entrei eu tinha catorze anos :P
    fica boa dani, que sexta tem poeira pro nariz! adorei o texto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s